21 9 8388 7539 contato@omestredoscaes.com.br

CURSOS

Curso de Adestramento e Obediência

A CONVIVENCIA EM SOCIEDADE COM OS CAES

O meu adestramento se destaca dos demais no mercado, devido a uma alta eficiência nos treinamentos dono e cão, bem como um conjunto de detalhes importantes que nunca deveriam deixar de serem ensinados aos alunos de forma clara, didática e que consigam mudar de forma significativa a convivência entre cães, humanos e até na família.

Sinto uma enorme alegria em poder ajudar na comunicação ideal entre cães e humanos, tanto que tive o privilégio de ouvir diversas vezes, que o meu adestramento modificou significativamente a vida com os filhos ou até mesmo salvou um casamento!

Após algumas aulas já é percebido nitidamente a diferença do cão que não faz o meu adestramento do que o está sendo devidamente treinado por mim.

 

MODULO I:

                                                                 

ANDAR JUNTO:

O comando junto deve ser realizado com exercícios específicos do Adestramento de Obediência, o qual ministro na casa de diversos alunos do Rio de Janeiro e de Niterói.

Esse módulo, resume-se em 3 fases:

A primeira fase do meu curso, capacita o aluno a andar com o cão ao lado, sem ser puxado. Conforme o condicionamento do aluno e do cão forem evoluindo, os exercícios consequentemente serão aprimorados de forma teórica e pratica.

Já na segunda fase do curso – demostrarei de forma teórica e prática como melhorar a comunicação com o cão e com todos os membros da casa.

Na fase 3 do Modulo I – iremos perceber que o cão aceitara o comando de todos os membros da família e até mesmo de estranhos (opcional).

O objetivo desse curso e através de comandos e exercícios de obediência fazer com que os cães e a família tenham mais qualidade de vida, além de dar mais enriquecimento mental e estímulos ao animal. Todos os alunos conseguirão uma comunicação melhor e terão o companheiro perfeito e tão desejado pela família.

Minha primeira experiência com cães foi em Búzios quando tinha 14 anos apenas quando meus avos abriram um negócio de venda de sapatos e tive a oportunidade de conhecer o Caramelo, um vira-lata muito inteligente.

Quase todo o fim-de-semana, ele nos aguardava na porta da sapataria, e, no momento em que nos via, sentava calmamente, em pose de samurai. Conforme nos aproximávamos, seu rabo começava a abanar, seus olhos esbanjavam tamanha alegria que me sentia a solução para todos os seus problemas.

Os cães agem por instinto e vivem o momento, por isso é muito importante aplicar as correções sempre no tempo certo que o cão fizer algo errado, assim como também e preciso recompensar o cão no momento exato em que ele acertar.

Este livro visa ajudar a todos que tem, ou pensam em ter um cão algum dia.

O Adestramento Leon utiliza o treinamento baseado no reforço positivo, exercícios com recompensas e diversão, cães.treinamento que além de dar enriquecimento mental também ajuda na obediência do cão.

Muito importante sabermos ao trabalhar com os cães e é algo que me encanta em todos esses anos em que ajudo proprietários e cães a terem um convívio melhor, é que eles vivem apenas o presente, por isso tem uma vida plena e intensa com muito mais amor e felicidade que nos humanos.

Você pode ter treinado seu cão de forma errada a vida inteira, mas a partir do momento que você muda ele muda imediatamente. Daí aí surge a importância de recompensarmos imediatamente o cão

Outra informação importante é que o cão tem um foco curto de aproximadamente uns 15 minutos de atenção. Devemos aproveitar ao máximo facilitando o aprendizado e não excedente esse limite de tempo.

O meu adestramento é dividido em 3 etapas:

  • Passeio bem devagar com progressão para o aquecimento dos músculos;
  • Treinamento de comandos de obediência;
  • Diversão com exercícios comandados pelo dono ou condutores

 

Para criarmos o cão ideal é necessário começar a ensinar os 5 comandos básicos de obediência a partir dos 2 meses de idade do filhote. Isto porque ele absorvera os comandos e estímulos de forma a moldar a personalidade dele da forma que desejarmos.

Um exemplo clássico que sempre passo para os meus amigos, clientes e alunos do meu curso é nunca associar o nome do cão a uma bronca ou um estimulo negativo, pois isso pode influenciar na hora que formos chamar ele. O certo é associarmos o nome do cão somente para coisas boas. Ex.: Chamar o nome e dar um petisco para ele vir, chamar o nome para brincar, ir para a cama, passear etc.

Já no tocante a educação sanitária é primordial nunca dar bronca no cão antes que ele saiba com 100% certeza o local correto de fazer as necessidades, caso contrário ele entendera que não pode fazer na frente dos humanos e começara a fazer escondido, o que dificulta muito o treinamento de correção de maus hábitos.

Uma dica para a educação sanitária é a de que como os filhotes não tem muito controle da bexiga, então eles comendo ou bebendo devemos leva-los imediatamente para o local escolhido e nunca esquecer de recompensar (com ração, petisco ou festa/muito bem alegre), logo após ele fazer as necessidades.

Um dos motivos que fiz diversos atendimentos em domicílio foi o das mordidas excessivas de filhotes que tem a necessidade de estarem mordendo o tempo todo devido aos dentes que estão crescendo e incomodam bastante.

Devemos direciona-los para o que pode ser mordido pois cães que aprendem a morder seus brinquedos, mordem durante toda a vida seus próprios brinquedos, enquanto que o cão que morde objetos queridos nossos, paredes e moveis, possivelmente continuará a vida toda repetindo esse mau habito.

Os cães são tão bem engajados na sociedade devido a facilidade em aprender com o devido treinamento a conviver perfeitamente em sociedade com o homem.

Após observar a dificuldade das pessoas em ensinar e treinar seus cães, decidi usar os conhecimentos que adquiri observando e treinando os meus, e, também com ajuda de estudos de psicologia canina, comecei a treinar os cães de amigos que gostaram tanto da diferença do cão sem treinamento e depois do treinamento que começaram a me indicar para amigos que me ajudaram a me especializar nessa profissão que me faz tanto feliz.

Hoje consigo unir duas habilidades que me permitem trabalhar com algo que faz o diferencial na vida das pessoas, pois ter um cão é muito bom, mas ter um cão treinado é muito melhor!

 

DICAS IMPORTANTES (Ensinamentos básicos):

Objetivo principal: Fazer com que o cão aprenda comandos essenciais para o cotidiano com a nova família (matilha).

 

Execução:

  1. Associar sempre o nome escolhido com algo positivo/agradável (técnica de reforço positivo).
  2. Nunca associar o nome do cão a uma bronca ou a atuações negativas (correções).
  3. Dessa forma, o comando aqui/vem sempre obterá uma execução bem sucedida.

Exercícios de obediência com os 5 comandos básicos podem ser iniciados após os 2 meses de idade do filhote.

 

 

 

Correções:

 

A dica mais importante no momento de corrigir o cão por algum comportamento indesejado, é sempre fazer as correções com a utilização da guia.

A guia recomendada para o adestramento de cães é a guia enforcadora, na qual o seu mecanismo, de acordo com a psicologia canina, simboliza uma mordida semelhante a que os cães usam naturalmente quando querem se sobrepor sobre outro cão.

Não devemos bater nos cães, pois impacto é coisa de humanos, e, bater gera danos colaterais como medo, não realização de comandos, maus hábitos diversos e a correção com a guia faz muito mais sentido para os cães. Bom lembrar.

Open chat
1
Olá! como posso ajudar?